Notícia

Estabelecimentos de Itajaí que servem alimentos terão selo de boas práticas de prevenção ao coronavírus

Programa de certificação tem apoio das secretarias de Desenvolvimento Econômico e de Turismo e Eventos
Data de inclusão: 19/05/2020 17:42

Estabelecimentos que servem alimentos em Itajaí, como restaurantes, lanchonetes e similares, poderão contar com um selo de reconhecimento para as boas práticas de segurança e prevenção ao coronavírus. O programa “STOP COVID-19 – Cuidando da sua Segurança” tem o apoio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e da Secretaria Municipal de Turismo e Eventos. A certificação será lançada pela Associação Comercial e Industrial de Itajaí (ACII) nesta quarta-feira (20), às 14h30, num encontro online.

Segundo o Núcleo de Gastronomia da ACII, que coordena a iniciativa, o programa incentiva a implantação de um plano de contingência qualificado de ações de segurança e prevenção ao novo vírus para bares, restaurantes, lanchonetes, hotéis e outros estabelecimentos que servem alimentos, principalmente neste momento de pandemia.

Além do apoio institucional do Município de Itajaí, o projeto envolve empresários, clientes e instituições representativas, num amplo movimento de certificação e controle para o cumprimento dessas medidas de prevenção, como forma de transmitir segurança aos consumidores e a busca por práticas qualificadas nesses estabelecimentos.

“Vemos que esta certificação também poderá servir de incentivo e para o fortalecimento de toda a cadeia produtiva desses estabelecimentos, gerando uma corrente solidária e de responsabilidade entre empresários, fornecedores e trabalhadores do setor, o que é salutar para o setor econômico da cidade”, destaca Giovani Felix, secretário municipal de Desenvolvimento Econômico.

Como participar

O processo de habilitação para o selo terá dois níveis. O primeiro consiste na inscrição por parte do estabelecimento no programa, informando as características do local, com a apresentação do plano de contingência que satisfaça as exigências da certificação.

Já o segundo nível será concluído por meio de evidências que comprovem a implantação e o cumprimento dessas medidas adotadas (como fotos, documentos, etc), além de uma avaliação feita por clientes e especialistas.

Após cumprirem essas ações propostas, os estabelecimentos vão receber a declaração de atendimento ao programa “STOP COVID-19”, com o respectivo selo.

Outras informações sobre o processo de inscrição e de certificação serão repassadas durante o lançamento oficial do programa, que será feito num encontro online nesta quarta-feira, a partir das 14h30, no endereço http://meet.google.com/fja-dgvw-foo.
 

Imagens relacionadas

Estabelecimentos de Itajaí que servem alimentos terão selo de boas práticas de prevenção ao coronavírus
Estabelecimentos de Itajaí que servem alimentos terão selo de boas práticas de prevenção ao coronavírus
Estabelecimentos de Itajaí que servem alimentos terão selo de boas práticas de prevenção ao coronavírus